39° Congresso Brasileiro de Urologia

Programação


Filtrar atividades
Plenária (Térreo: 4+5A)
07:50 - 17:30 Tutorial

Tutorial de Uro-oncologia

07:50 - 08:00
Abertura
08:00 - 12:00
BLOCO MANHÃ
08:01 - 08:15
Avanços em 2023
08:20 - 09:20
Discussão de casos de câncer de próstata localizado: biópsia / vigilância ativa / tratamento / imagem
09:25 - 09:40
Testes genéticos: o que interessa ao urologista
09:45 - 10:35
Discussão de casos de câncer de bexiga não músculo-invasivo: vigilância ativa / técnica de RTUV / BGC e alternativas / seguimento
10:40 - 10:55
Conceitos básicos de imunoterapia
11:00 - 11:40
Discussão de casos de câncer de testículo e pênis: doenças pré-malignas / alternativas técnicas na penectomia / imagem / tratamento do câncer testicular no estádio 1
11:45 - 12:00
Terapia focal no CAP: em qual direção estamos indo?
12:00 - 13:15
Intervalo
13:15 - 17:30
BLOCO TARDE
13:16 - 14:05
Discussão de casos de câncer de rim: limites da cirurgia parcial / vigilância ablação / adjuvância / nefrectomia citorredutora e metastasectomia
14:10 - 14:25
Alternativas na terapia medicamentosa do câncer renal metastático
14:30 - 15:20
Discussão de casos de bexiga músculo-invasivo: preservação / cistectomia parcial x radical / adjuvância e neoadjuvância / derivação urinária / QT e imuno na doença sistêmica
15:25 - 16:25
Discussão de casos de câncer de próstata avançado: recidiva / oligometa / imagem / tratamento hormonal / CAP resistente à castração
16:30 - 16:45
Message at Maturity
16:45 - 17:30
Sessão de Vídeos: complicações cirúrgicas com robô que eu não gostaria de enfrentar
Plenária 2 (Mezanino: 100+101+102B)
08:00 - 17:00 Tutorial

Tutorial de Uro-pediatria

08:00 - 09:00
Apresentação de trabalhos científicos
09:00 - 10:00
Apresentação de trabalhos científicos
10:00 - 10:30
Intervalo
10:30 - 11:00
Sessão SIUP
10:31 - 10:50
Toxina botulínica. Quando e como?
10:50 - 11:00
Discussão
11:00 - 12:00
Cirurgia na Bexiga Neurogênica
11:01 - 11:10
Ampliação vesical. Como minimizar complicações
11:10 - 11:20
Slings. Indicação e técnica
11:20 - 11:30
Como tratar a incontinência do canal Mitrofanoff
11:30 - 11:40
Fechamento do colo da bexiga. Quando e como?
11:40 - 12:00
Discussão
12:00 - 13:30
Intervalo
13:30 - 14:35
Urologia de Transição 1
13:31 - 13:45
O paciente pediátrico para a vida adulta
13:45 - 13:55
Sexualidade e fertilidade em adolescentes com mielomeningocele
13:55 - 14:10
Função da bexiga a longo prazo em pacientes com mielomeningocele
14:10 - 14:20
Função da bexiga a longo prazo em pacientes com Prune-belly
14:20 - 14:35
Discussão
14:35 - 15:20
Urologia de Transição 2
14:36 - 14:45
Acompanhamento de longo prazo em pacientes com DTUI
14:45 - 14:55
Função da bexiga a longo prazo em pacientes com PUV
14:55 - 15:05
Função da bexiga a longo prazo em pacientes com malformação anorretal
15:05 - 15:20
Discussão
15:20 - 15:50
Intervalo
15:50 - 16:50
Apresentação de trabalhos científicos
16:50 - 17:00
Encerramento
Sala 1 (Mezanino: 100A)
08:00 - 17:20 Tutorial

Tutorial de Trauma e Urologia Reconstrutora

08:00 - 08:01
Abertura
08:01 - 08:20
Como iniciar-se na cirurgia uretral, princípios e treinamento
08:20 - 08:35
Diagnóstico da estenose uretral: existem novidades? Qual o papel da Uretrorressonância?
08:35 - 08:55
Uretroplastia quase sempre? Qual o espaço que resta para a cirurgia endoscópica no tratamento da estenose uretral? Dilatação, cirurgia endoscópica, Optilumen
08:55 - 09:15
Módulo Uretra Peniana - meato e fossa navicular: desafio?
09:15 - 09:35
Estenose peniana: quando trabalhar com retalhos?
09:35 - 09:55
Estagiar ou cirurgia em único tempo? Critérios?
09:55 - 11:55
Momento GURS
09:56 - 10:46
First panel debate: Female Urethral Strictures
09:57 - 10:00
Overview
10:00 - 10:31
Management Options
10:01 - 10:07
Endoluminal Management
10:07 - 10:14
Ventral Onlay
10:14 - 10:24
Dorsal Onlay
10:24 - 10:31
Flaps
10:31 - 10:46
Q&A
10:46 - 11:15
Second Panel Debate: Management of AUS Failure in Patients with a Fragile Urethra
10:47 - 10:53
Reimplantation is possible/advisable
10:53 - 11:00
Urinary Diversion Should Be Recommended
11:00 - 11:15
Q&A
11:15 - 11:55
Third Panel Debate: Surgical Management of Post-Radical Prostatectomy patients with Simultaneous Urinary Incontinence and Erectile Dysfunction
11:16 - 11:30
Staged Implantation is Less Risky and Should be Recommended
11:30 - 11:45
Q&A
11:45 - 11:55
State-of-the-art lecture: restoring function following penile Cancer Amputation
11:55 - 12:30
Intervalo
12:30 - 13:00
Incontinência urinária masculina: como lidar com casos complexos?
12:31 - 13:00
Discussão: implante pós RXT, pós Uretroplastia, pós erosão
13:00 - 13:20
Módulo Uretra Bulbar - entenda o que significa transectar ou não-transectar na cirurgia uretral. Quais os fundamentos?
13:20 - 13:30
Quais princípios regem o uso de enxertos de mucosa na bulbar?
13:30 - 13:50
Módulo Uretra Posterior - Uretroplastia clássica posterior pós trauma: qual espaço para preservação vascular?
13:50 - 14:10
Os enxertos já são uma realidade na uretra posterior? Quando?
14:10 - 14:50
Manejo da Estenose de Anastomose pós prostatectomia radical: via robótica x via perineal x endoscópica, quem vence essa batalha?
14:10 - 14:25
Acesso Perineal
14:25 - 14:35
Acesso Robótico
14:35 - 14:45
Endoluminal
14:45 - 15:10
Complicações uretrais na cirurgia de redesignação sexual
15:10 - 15:30
Recuperação de haste peniana em cirurgia de prótese peniana. Quando e como?
15:30 - 15:40
Módulo casos especiais de estenoses uretrais - Estenose bulbo membranosa transesfincteriana pós tratamento de doenças próstata
15:40 - 16:00
Tratamento da Panestenose e suas peculiaridades
16:00 - 16:30
Discussão
16:30 - 17:10
Casos clínicos: dos complexos ao casos do dia a dia
17:10 - 17:15
Encerramento
Sala 2 (Mezanino: 101+ 102A)
08:00 - 18:05 Tutorial

Tutorial de Endourologia

08:00 - 08:05
Abertura
08:05 - 09:50
MESA REDONDA: Controvérsias em Endourologia (caso clínico conceito - ureterolitíase proximal)
08:06 - 08:10
Apresentação do caso clínico
08:10 - 08:25
Tratamento clínico preventivo empírico x seletivo?
08:25 - 08:40
Como personalizar a abordagem operatória?
08:40 - 08:55
Bainha ureteral sempre?
08:55 - 09:10
Quais cuidados devemos ter na ureteroscopia flexível?
09:10 - 09:25
Análise do cálculo para todos os casos?
09:25 - 09:50
Discussão e conclusões
09:50 - 10:20
Intervalo
10:20 - 12:00
MESA REDONDA: Controvérsias em Endourologia (caso clínico conceito - nefrolitíase em cálice inferior)
10:21 - 10:25
Apresentação do caso clínico
10:25 - 10:40
Punção renal percutânea: Radioscopia x Ultrassom?
10:40 - 10:55
Quando indicar o acesso intrarrenal combinado?
10:55 - 11:10
Mini percutânea faz a diferença?
11:10 - 11:25
Como evitar complicações como sangramentos e infecções na NLPC?
11:25 - 11:40
Fragmentos residuais: observação ou tratamento?
11:40 - 12:00
Discussão e conclusões
12:00 - 14:00
Intervalo
14:00 - 16:00
Hot Topics - Inovações em Endourologia: quais são as novidades? (módulo 1 - pódium)
14:01 - 14:15
Novas tecnologias em litotripsia extracorpórea
14:15 - 14:30
Novas bainhas ureterais
14:30 - 14:45
Novos ureteroscópios digitais
14:45 - 15:00
Nova fonte de laser - Thulium Laser
15:00 - 15:15
Novos litotridores na percutânea
15:15 - 16:00
Discussão e conclusões
16:00 - 16:30
Intervalo
16:30 - 18:00
Hot Topics - Inovações em Endourologia: técnica operatória (módulo 2 - vídeo)
16:30 - 16:45
Ureteroscopia flexível robótica
16:45 - 17:00
Super mini percutânea
17:00 - 17:15
ECIRS com fluoroscopia
17:15 - 17:30
ECIRS sem fluoroscopia
17:30 - 18:00
Discussão e conclusões
18:00 - 18:05
Encerramento
Sala 3 (Mezanino: 103+104A)
08:00 - 18:00 Tutorial

Tutorial de Andrologia

08:00 - 09:10
Propedêutica inicial do potencial de fertilidade masculina
08:01 - 08:15
Qual a importância da avaliação do homem no casal infértil na era pós-ICSI?
08:15 - 08:25
Como avaliar o fator masculino? Anamnese e exame físico
08:25 - 08:35
Como avaliar o fator masculino? Exames laboratoriais hormonais, sorológicos e genéticos
08:35 - 08:45
Como avaliar o fator masculino? Espermograma OMS 2021 e Pesquisa de Fragmentação de DNA espermático
08:45 - 08:55
Diferenciando as azoospermias: obstrutiva ou não obstrutiva?
08:55 - 09:10
Perguntas
09:10 - 10:00
Principais causas de infertilidade masculina
09:11 - 09:20
Varicocele: explicando o mecanismo da principal causa de infertilidade masculina
09:20 - 09:30
Uso abusivo de esteroides anabolizantes e testosterona
09:30 - 09:45
Impacto do estilo de vida e do meio ambiente no potencial de fertilidade (drogas, obesidade e disruptores endócrinos)
09:45 - 09:55
Efeito da idade avançada do homem na qualidade do espermatozoide
09:55 - 10:00
Perguntas
10:00 - 10:20
Intervalo
10:20 - 11:15
Tratando as principais causas de infertilidade masculina
10:21 - 10:30
Varicocele: quando operar e quais as técnicas preconizadas
10:30 - 10:40
Como tratar azoospermia proveniente de abuso de esteroides anabolizantes?
10:40 - 10:50
Como melhorar uma oligozoospermia sem uma etiologia?
10:50 - 11:00
Reversão de vasectomia: por que ainda indicar nos tempos de ICSI?
11:00 - 11:15
Perguntas
11:15 - 12:00
Mesa de Casos Conceitos
11:16 - 11:30
Caso 1 - Varicocele: caso adulto com oligo e fragmentação alta
11:30 - 11:45
Caso 2 - Azoospermia não obstrutiva: ICSI com técnica de recuperação de spm
11:45 - 12:00
Caso 3 - Recuperação da espermatogênese após abuso de esteroides anabolizantes
12:00 - 13:20
Intervalo
13:20 - 14:20
Disfunção erétil
13:21 - 13:30
Como fazer a avaliação inicial de pacientes com disfunção erétil?
13:30 - 13:40
Doppler peniano x teste de ereção fármaco-induzida
13:40 - 13:50
Opções terapêuticas na falha dos IPDE5
13:50 - 14:00
Avaliação psicológica em pacientes com DE: quando e como fazer?
14:00 - 14:10
Como otimizar os resultados em cirurgia de prótese peniana?
14:10 - 14:20
Perguntas
14:20 - 15:10
Doença de Peyronie
14:21 - 14:30
Como fazer a avaliação inicial de pacientes com doença de Peyronie?
14:30 - 14:40
Como conduzir pacientes na fase aguda da doença de Peyronie?
14:40 - 14:50
Pontos chave na seleção de pacientes e preparo pré-operatório de correção de deformidades penianas
14:50 - 15:00
Como escolher a técnica cirúrgica ideal para cada caso?
15:00 - 15:10
Perguntas
15:10 - 16:00
Desejo sexual hipoativo / disfunções ejaculatórias
15:11 - 15:20
Como fazer a avaliação inicial de pacientes com ejaculação precoce?
15:20 - 15:30
Passo a passo no tratamento da ejaculação precoce
15:30 - 15:40
Propedêutica do homem baixa libido e disfunções ejaculatórias
15:40 - 16:00
Perguntas
16:00 - 16:20
Intervalo
16:20 - 17:00
Deficiência de testosterona
16:21 - 16:30
Avaliação e diagnóstico
16:30 - 16:40
Tratamento e acompanhamento
16:40 - 16:50
Principais complicações associadas ao uso indevido de testosterona exógena
16:50 - 17:00
Perguntas
17:00 - 17:15
Casos Conceitos: Disfunção erétil não respondedora aos IPDE5
17:15 - 17:30
Casos Conceitos: Ejaculação precoce refratária ao tratamento de primeira linha
17:30 - 17:45
Casos Conceitos: Doença de Peyronie
17:45 - 18:00
Discussão e encerramento
Sala 4 (Mezanino: 105A)
08:00 - 17:30 Tutorial

Tutorial de Infecções, Inflamações e IST

08:00 - 08:05
Abertura - A importância da constante atualização em infecções na urologia
08:05 - 12:00
ISTs e Lesões Genitais